Cessar-fogo Israel-Hamas entra em vigor após 11 dias de combates

Pessoas saem às ruas na Cidade de Gaza para celebrar um cessar-fogo mediado pelo Egito entre Israel e o Hamas, no início de 21 de maio de 2021 (Foto: Mohammed Abed/AFP).

Uma trégua mediada pelo Egito entre Israel e o Hamas ocorreu na sexta-feira após a pior violência em anos, com o presidente dos EUA, Joe Biden, prometendo salvar a devastada Faixa de Gaza e as Nações Unidas pedindo a renovação do diálogo israelense-palestino.

EUA estendem a mão ao Egito por causa da violência entre Israel e Palestina

Pessoas se reúnem em meio aos escombros em frente à torre Al-Sharouk, que desabou após ser atingida por um ataque aéreo israelense, na Cidade de Gaza, em 12 de maio de 2021 (Foto: Mohammed Abed/AFP).

Os egípcios podem convencer o Hamas a desistir, mas tanto o primeiro-ministro israelense quanto os militantes palestinos podem se beneficiar politicamente de um conflito prolongado.

Nem Israel nem o Hamas recuarão

Foguetes são lançados em direção a Israel de Rafah, no sul da Faixa de Gaza, controlada pelo Hamas, em 12 de maio de 2021 (Foto: Said Khatib/AFP).

Em circunstâncias diferentes, teria sido possível tanto para Israel como para o Hamas apresentar uma imagem de vitória agora.

Egito aumenta sua frota de Rafales em mais 30 novas aeronaves

Um Rafale realiza voo de demonstração no Paris Air Show, em 2019 (Foto: Michel Euler/AP).

A nova aquisição eleva a frota Rafale da Força Aérea egípcia para 54 aeronaves, tornando-a a segunda maior do mundo, depois da França.

Tráfego no Canal de Suez é liberado após desencalhe de navio

O navio "Ever Given", um dos maiores porta-contêineres do mundo, é visto depois de ter flutuado totalmente no Canal de Suez, Egito, em 29 de março de 2021 (Foto: Abd El Ghany/Reuters).

Segundo a Autoridade do Canal de Suez, uma segunda inspeção mais precisa mostrará se o navio foi afetado.

Navio ‘reflutuou parcialmente’, mas continua preso no Canal de Suez

Imagem de satélite de 28 de março de 2021 mostra o navio de carga MV Ever Given preso no Canal de Suez, Egito (Foto: Planet Labs Inc. via AP).

Dados de satélite mostram que a proa do navio foi parcialmente afastada da costa, mas permanece presa na borda do canal.

Bloqueio de Suez define corrida de taxas de embarque; navios-tanque e petroleiros são desviados

O navio porta-contêineres encalhado "Ever Given", um dos maiores porta-contêineres do mundo, depois de encalhar, no Canal de Suez, Egito (Foto: Mohamed Abd El Ghany/Reuters).

A suspensão do tráfego pelo estreito canal que liga a Europa e a Ásia agravou os problemas das companhias marítimas que já enfrentavam interrupções e atrasos no fornecimento de produtos de varejo aos consumidores.

ABIMDE recebe delegações e amplia conexões na IDEX 2021

O destaque do terceiro dia de evento foi a visita da delegação do Egito, cujos integrantes vieram conhecer os produtos e serviços e fazer negócios com as empresas da Base Industrial de Defesa e Segurança.

As primeiras ações de Biden no Oriente Médio

Os movimentos iniciais de Joe Biden em relação ao Irã e ao Oriente Médio parecem indicar uma mudança radical na política externa americana para a região. É difícil prever quais poderão ser os resultados efetivos, mas, como sempre pode acontecer, ainda que uma política pareça virtuosa seus resultados podem se distanciar muito das intenções.

Nas monarquias árabes, o absolutismo pode estar diminuindo

As oito monarquias do mundo árabe estão entre as últimas monarquias absolutistas remanescentes na Terra. Em alguns aspectos, eles se mostraram surpreendentemente duráveis. Em comparação com as repúblicas árabes, Jordânia, Marrocos e os seis países do GCC (Gulf Cooperation Council, Conselho de Cooperação do Golfo) – Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Omã, Qatar, Bahrein e Kuwait – escaparam dos levantes da Primavera Árabe relativamente imperturbáveis. Mas alguns dos reinos árabes também estão enfrentando novos desafios que ameaçam encerrar décadas de governo monárquico.