O descarte dos Cães de Guerra

Com o fim do regime militar em 1985 e a ascensão da esquerda ao poder, teve início um processo de “esvaziamento” do entendimento da Lei da Anistia e o aparelhamento da imprensa e da academia. A chamada Comissão da Verdade, em tese criada para apurar violações dos direitos humanos entre 1946 e 1988, foi formada inteiramente por militantes de esquerda concentrou-se apenas no período do regime militar. Longe de atuar com isenção, teve por objetivo colocar no banco dos réus apenas um lado. Continuar lendo O descarte dos Cães de Guerra