Declaração do Secretário da US NAVY sobre o afastamento do Comandante do USS Theodore Roosevelt (CVN 71)

O episódio da demissão do comandante do porta-aviões americano USS Theodore Roosevelt, o capitão Brett Crozier, encerram lições de liderança que vão muito além da competência para comandar um navio e ser reconhecido pela tripulação. Na decisão do Secretário da Marinha (US Navy) e dos altos comandantes que a subsidiaram, a questão não é o caráter do capitão Crozier, mas ele cometeu um erro grave ao expor a cadeia de comando, alarmar desnecessariamente a tripulação, as famílias e a população americana, permitir o vazamento de informações sensíveis e, principalmente, dentro do atual cenário geopolítico, passar uma percepção incorreta aos potenciais adversários dos EUA, num claro recado à China. Continuar lendo Declaração do Secretário da US NAVY sobre o afastamento do Comandante do USS Theodore Roosevelt (CVN 71)