ISIS: Do estado ao califado

Militantes do Estado Islâmico (Foto: Alliance/Abaca via DW).

A identidade organizacional do ISIS nunca foi uma entidade unitária. Ao invés disso, abrange uma dualidade frequentemente conflitante: Estado e Califado.

Terrorismo em Moçambique

Militantes do ISIS (Foto: The Reference/Jericho Walls).

A quantidade de mortes e a crise humanitária gerada pelos deslocados fazem com que a situação em Moçambique seja gravíssima, existindo ainda o risco de espalhar o terrorismo islâmico pela África Austral, problema até então pouco comum na região.

“Com os senhores derrotados, os escravos não podem lutar”: o Talibã antevê a vitória após a saída dos EUA

Combatentes talibãs no leste da província de Nangarhar em imagem de 2016 (Foto: Rahman Safi/Xinhua).

“Os arrogantes americanos pensaram que poderiam varrer o Talibã da face da terra”, disse Mullah Misbah, comandante insurgente na devastada província de Ghazni, em uma entrevista à AFP. “Mas o Talibã derrotou os americanos e seus aliados e, se Deus quiser, um regime islâmico será estabelecido no Afeganistão agora que eles estão partindo.”

Coalizão realiza 133 ataques aéreos contra ISIS no Iraque

Dois F/A-18F Super Hornet decolam do USS Carl Vinson em missão de apoio à Operação Inherent Resolve. Imagem ilustrativa. (Foto: Scott Fenaroli/US Navy).

Coalizão liderada pelos EUA conduziu uma grande ofensiva contra o Estado Islâmico no norte do Iraque, realizando 133 ataques aéreos em 10 dias.

Radar Semanal 19/02/2021

Neste Radar, a China admite a morte de quatro militares nas escaramuças com a Índia em 2020; a radiografia de uma base de mísseis norte-coreana, pelo CSIS; uma tabela comparativa quantitativa das forças armadas dos países do Oriente Médio; artigo do War on the Rocks com reflexões sobre a Guerra do Golfo; e uma análise do Al-Monitor sobre a tríade Rússia-Irã-Turquia e a situação da Síria.

O avanço geopolítico da Rússia de Vladimir Putin

Com o fim da URSS e a queda do Pacto de Varsóvia, no início dos anos 1990, a Rússia perdeu os “estados-tampão” que lhe traziam segurança; Vladimir Putin, em discurso proferido em 2005, afirmou que essa foi a maior catástrofe geopolítica da história da Rússia. Desde o início de suas gestões –como primeiro-ministro e como presidente –, ele vem trabalhando para restabelecer os “amortecedores estratégicos” perdidos.

Táticas suicidas terroristas: Suicidas-Bomba

Ataques terroristas suicidas com uso de IED têm se tornado uma tática frequente. A atomização e fragmentação do terrorismo, seja devido à autorradicalização ou pelo retorno de combatentes estrangeiros aos países de origem, fomentam a atual onda de terrorismo jihadista doméstico. Nesse cenário, o presente artigo traz um breve histórico do conceito e modus operandi das táticas suicidas terroristas, a fim de possibilitar ao Estado preparar-se com novos desenhos de força de planejamento, respostas e recuperação em segurança pública mais eficientes e resilientes.

Comunicação jihadista estratégica online

Os serviços de inteligência são a primeira linha de defesa contra a ciberjihad, fenômeno complexo e de mutação acelerada. Sem inteligência, é impossível antecipar e prevenir o terrorismo.

Por dentro do programa secreto de Israel de apoio aos rebeldes sírios

Por dentro do programa secreto de Israel de apoio aos rebeldes sírios.