Terceiro porta-aviões da China toma forma

Porta-aviões chinês Liaoning (Foto: PLAN/CGTN).

O terceiro porta-aviões chinês será consideravelmente maior do que seus antecessores, o Liaoning e o Shandong, e deverá operar com um sistema CATOBAR eletromagnético.

Novo destroier da marinha chinesa navega no Mar do Sul da China

O Nanning, destroier Tipo 052D, fotografado junto ao navio de abastecimento Chaganhu, do Comando do Teatro do Sul, durante exercícios (Foto: PLAN/Weibo).

Com radares avançados, eletrônicos comparáveis ​​ao sistema AEGIS e lançadores de mísseis verticais de 64 células, os navios do Tipo 052D correspondem à classe Arleigh Burke da US Navy.

China e EUA discutem sobre atividade naval no Mar do Sul da China

Marinheiros dos EUA se preparam para operações de voo na cabine de comando do porta-aviões Theodore Roosevelt em 6 de abril de 2021, no Mar do Sul da China (Foto: Alexander B. Williams/US Navy).

A intensificação das operações militares dos EUA na região, com respostas cada vez mais incisivas da China, vêm levantado cada vez mais preocupações sobre um possível choque ou confronto, seja intencional ou não.

Marinha da China realiza exercícios com fogo real em três Comandos de Teatro

A CCTV informou sobre exercícios militares dos Comandos de Teatro Leste, Norte e Sul do PLA em 17 de maio de 2021 (Foto: CCTV).

Destroieres e corvetas estão entre os navios participantes de treinamento com fogo real e defesa antimísseis envolvendo os Comandos de Teatro Leste, Norte e Sul.

Radar Semanal 14/05/2021

Photo: Pedro Ugarte/AFP/Getty Images.

Hoje no Radar: uma avaliação da (equivocada) política para transgêneros do Pentágono; o almirante Stavridis analisa os principais “pontos de ignição” com a China; o fiasco dos militares venezuelanos em enfrentamentos com as FARC e a ELP; e um complemento (ou mesmo contraponto) à matéria da revista The Economist sobre Taiwan.

Radar Semanal 30/04/2021

Porta-aviões chinês Liaoning (Foto: PLAN/CGTN).

Nesta edição do Radar: em meio a uma intensificação da pandemia, a Índia desconfia da ajuda chinesa; uma análise sobre a possível participação de Israel no ataque à instalação nuclear iraniana de Natanz e sua oposição ao JCPOA; uma análise dos desdobramentos conjuntos de porta-aviões; e um balanço da Guerra do Afeganistão.

China comissiona simultaneamente três navios de guerra no aniversário da Marinha

Marinheiros no convés do destroier de mísseis guiados Tipo 055 Nanchang em desfile em 23 de abril de 2019 (Foto: Mark Schiefelbein/AFP via Getty Images).

O presidente Xi Jinping participou da cerimônia em que o porta-helicópteros Hainan, o cruzador Dalian e o submarino nuclear Changzheng-18 entraram em serviço na PLAN.

Marinha chinesa demonstra capacidade de novo navio de assalto anfíbio

Foto: PLAN.

A marinha chinesa demonstrou as capacidades de seu recém-comissionado navio de assalto anfíbio Tipo 075, batizado de Hainan 31.

Embarcações militares chinesas são detectadas perto de áreas de teste de mísseis de Taiwan

Um teste de míssil em Taiwan (Foto: Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia Chung-Shan).

Porta-voz do Ministério da Defesa de Taiwan não forneceu mais detalhes, dizendo apenas que os militares monitoram de perto os movimentos do PLA e que a situação permanece “normal”.

Shenyang J-15 Feisha

Desenvolvido como uma cópia aperfeiçoada e não licenciada do Sukhoi Su-33, o Shenyang J-15 é hoje a espinha dorsal da ala aérea dos porta-aviões da marinha chinesa.