Sete aeronaves de combate do PLA entram na ADIZ de Taiwan dois dias após surtida recorde

O caça J-7, mais antigo, estava entre os sete aviões na última investida chinesa na ADIZ de Taiwan (Foto: SCMP).

Taiwan enviou jatos, emitiu avisos de rádio mobilizou sistemas de mísseis de defesa aérea; sobrevoo incluiu quatro caças J-7 antigos juntamente com jatos modernos, e analistas dizem que poderia ser um teste de interoperabilidade.

Em nova incursão, nove aviões chineses entram na ADIZ de Taiwan

Aeronave chinesa de reconhecimento tático Y-8 (Foto: Ministério da Defesa Nacional de Taiwan).

De acordo com gráfico divulgado pelo Ministério da Defesa de Taiwan através do Twitter, as aeronaves foram localizadas no espaço aéreo a sudoeste, entre Taiwan e as ilhas Dongsha.