Atech recebe comitiva de adidos militares estrangeiros e do Ministério da Defesa

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Lucas Lacaz Ruiz/Rossi Comunicação.

Lucas Lacaz Ruiz/Rossi Comunicação.

A Atech recebeu na última semana, em sua unidade de São José dos Campos, localizada no Parque Tecnológico, uma comitiva de adidos militares de 25 países e representantes do Ministério da Defesa. A visita tinha como objetivo conhecer as tecnologias e soluções desenvolvidas no Brasil com potencial uso pelas Forças Armadas de outras nações.

A comitiva, composta por cerca de 40 adidos estrangeiros e militares brasileiros, foi recebida pelos Gerentes de Negócios José Kalil Mohallem, Luiz Ricardo Biscardi e Roberto Comodo.

O grupo conheceu os principais projetos desenvolvidos pela Atech no Brasil e no exterior, com foco nos produtos e soluções da família Arkhe – Integrated Systems, dedicados para as áreas de Defesa e Segurança, destacando o potencial da tecnologia brasileira e a expertise da empresa em sistemas críticos, além de conhecerem o Laboratório de Simulação, Ensaios e Treinamento para os sistemas de Gerenciamento do Tráfego Aéreo.


Lucas Lacaz Ruiz/Rossi Comunicação.

Ao final da visita, o adido militar uruguaio Dyver Mauricio Neme Díaz entregou uma placa de agradecimento à empresa. “Quero agradecer a Atech por esta oportunidade de conhecer mais sobre tecnologias de Sistemas de Vigilância, Tráfego Aéreo e Comando e Controle. Essa troca de conhecimento é muito importante para todos nós”, disse.

A Atech é responsável pelo desenvolvimento e modernização de todo o sistema para o gerenciamento do espaço aéreo brasileiro, bem como pelo Sistema de Controle e Proteção para o LABGENE – Laboratório de Geração Núcleo-Elétrica – e pelos Sistemas de Combate e de Gerenciamento da Plataforma para as Fragatas Classe Tamandaré.

A empresa vem ampliando sua atuação no mercado internacional com soluções e sistemas para os mercados de Defesa, destacando-se, entre outras características, pela transferência de conhecimento, que permite aos países que adquirem seus produtos utilizá-los com plenitude, podendo alavancar a sua soberania.


Lucas Lacaz Ruiz/Rossi Comunicação.

Os adidos que integraram a comitiva representam a Alemanha, Argentina, Bolívia, Canadá, Chile, Colômbia, Coreia, Equador, Estados Unidos, Honduras, Índia, Israel, Itália, Japão, México, Namíbia, Nigéria, Peru, Polônia, Suécia, Tailândia, Tanzânia, Ucrânia, Uruguai e Vietnã.

Sobre a Atech: Reconhecida como uma “System House” brasileira, a Atech sempre se pautou pela inovação com o objetivo de ajudar a transformar o país. Com uma expertise única em engenharia de sistemas e tecnologias de consciência situacional e apoio à tomada de decisão, a Atech trabalha no desenvolvimento de soluções inovadoras com aplicações nas áreas de tráfego aéreo, sistemas de comando e controle, segurança cibernética, sistemas de instrumentação e controle, sistemas embarcados, simuladores e logística. Pela sua atuação, a companhia é reconhecida e foi certificada como Empresa Estratégica de Defesa pelo Ministério da Defesa do Brasil.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curso sobre a RússiaCurso de InteligênciaCurso sobre a ChinaPublicidade
Fórum Brasileiro de Ciências PoliciaisLoja Café com Defesa

Veja também