Guarda Nacional da Rússia diz que Ponte da Criméia está protegida do ar, da terra e da água

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Ponte da Criméia (Foto: Sergei Malgavko/Tass).

Ponte da Criméia (Foto: Sergei Malgavko/Tass).

A ponte da Criméia é totalmente protegida de ameaças potenciais, disse o chefe da Guarda Nacional Russa, Viktor Zolotov, à agência de notícias Tass na quinta-feira. “As instalações da ligação de transporte de Kerch estão hoje totalmente protegidas no solo, do ar, da água e debaixo d’água”, disse ele.

“As águas adjacentes a esta importante artéria de transporte são patrulhadas por barcos da Guarda Nacional enquanto nossos mergulhadores de combate inspecionam os suportes da ponte debaixo d’água. Este é um trabalho árduo e uma grande responsabilidade”, disse o chefe da Guarda Nacional.

As embarcações anti-sabotadores da classe Grachonok foram aceitas para serviço na Guarda Nacional da Rússia para garantir a segurança das instalações no Estreito de Kerch, disse Zolotov.

Uma brigada de operações especiais da Guarda Nacional está trabalhando em estreita interação com os ministérios de Defesa e Interior da Rússia, o Serviço de Segurança Federal (FSB) e os ministérios de Transporte e Energia. Desde o ano passado, o agrupamento opera integralmente sob o comando geral do Centro Conjunto de Coordenação, disse o chefe da Guarda Nacional.

Fonte: Tass.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também