Prazer em conhecer, Departamento PM Vítima

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Recorte da capa do livro.

Recorte da capa do livro.

O livro Prazer em conhecer, Departamento PM Vítima aborda o trabalho de uma equipe cujo lema é “Os que Jamais Esquecem”.

O Departamento PM Vítima da Polícia Militar do Estado de São Paulo é uma equipe singular que possui grande expertise. Atua quando um Policial Militar é vítima de homicídio, tentativa de homicídio ou ameaça.

São policiais que prendem assassinos de policiais.


LIVRO RECOMENDADO

Prazer em conhecer, Departamento PM Vítima: A equipe de caçadores de assassinos de policiais

  • Flávio Cesar M. Fabri e Ricardo Savi (Autores)
  • Em Português
  • Capa comum

Atuam e já atuaram em missões que os levaram a ambientes que variam do mangue à caatinga, de favelas à fronteiras. Os integrantes desta equipe possuem as mais diversas origens: são policiais que já trabalharam no policiamento de Choque, Operações Especiais, ROTA, Patrulhamento Ostensivo, Corregedoria e, mesmo, no Corpo de Bombeiros. Em comum, dão o melhor de si para que a morte de um policial jamais seja esquecida. Cobram a “conta não paga”.

A obra discorre a respeito do Departamento PM Vítima, algumas de suas missões (reais) e sobre o tema da vitimização policial.

Não se trata de ficção. São abordados aspectos reais, de pessoas reais, que atuam com o máximo de dedicação para dar a resposta necessária quando um policial é assassinado.

Essa equipe é considerada uma referência nacional sobre o tema. Já foi citada em Simpósio Nacional que “toda instituição Policial Militar do Brasil deveria contar com uma equipe dessa”.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

3 comentários

  1. Excelente! Continuem este bom trabalho. E sim, todas as PMs brasileiras e a BM do RS deveriam ter uma ou mais equipes desta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curso sobre a ChinaCurso de InteligênciaCurso sobre a RússiaPublicidade
Fórum Brasileiro de Ciências PoliciaisLoja Café com Defesa

Veja também