Moscou pede que OTAN resolva seus próprios problemas em resposta a comentários de Stoltenberg

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Jens Stoltemberg, Secretário-geral da OTAN (Foto: Yves Herman/Reuters).

Jens Stoltemberg, Secretário-geral da OTAN (Foto: Yves Herman/Reuters).

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, recomendou que os países da OTAN tratassem de seus próprios problemas internos ao invés de criticar a Rússia.

“Apenas resolva os problemas que seus membros têm. Eles pedem uma intervenção urgente: vacinação, crise econômica, direitos humanos nos países da OTAN. Assim que você resolver isso, começaremos imediatamente a estudar sua experiência”, disse Zakharova a jornalistas ao comentar as declarações do Secretário-Geral da OTAN, Jens Stoltenberg, na quarta-feira (24).

Stoltenberg afirmou que a Rússia está continuando sua “ampla expansão militar” em várias partes do mundo. Ele também acusou a Rússia de ações agressivas no ciberespaço, tentativas de interferir nas eleições em outros países e a disseminação de desinformação.

“Apesar de anos de pressão e esforços para estabelecer um diálogo significativo, a Rússia aumentou seu padrão de comportamento repressivo em casa e agressivo no exterior”, disse Stoltenberg em Bruxelas na quarta-feira.

“Na Rússia, ainda vemos violenta opressão da dissidência política. E pedimos a libertação imediata de Alexei Navalny e de outros manifestantes pacíficos que foram presos”, disse ele.

Fonte: Interfax.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também