Visita ao 1º BAEP em Campinas-SP

O 1º BAEP, em Campinas-SP, foi a unidade pioneira de seu tipo e serviu de modelo para a implantação de diversas outras hoje espalhadas por várias cidades do estado de SP. Trata-se de um batalhão formado por profissionais aguerridos e motivados, nos quais é possível perceber nitidamente a paixão com que realizam seu trabalho.

Palestra do Canal Arte da Guerra na ADESG

O comandante Robinson Farinazzo ministrou na ADESG a palestra “A Arte da Guerra no início do terceiro milênio e a preservação de estados soberanos”.

Caxias e a pacificação do Rio Grande, São Paulo e Minas Gerais

Com a inauguração do Segundo Reinado, várias forças procuravam se equilibrar. O jovem D. Pedro II assumia como imperador, porém o país se encontrava em ebulição política e ideológica, embalada por lutas sangrentas em várias regiões do Brasil. Coube a Luís Alves de Lima e Silva, o futuro Duque de Caxias, a nobre e difícil tarefa de pacificar o país.

Sistema de Gerenciamento de Incidentes e Crises: atualizando a doutrina

Os procedimentos e técnicas policiais na área de segurança pública evoluem ao longo do tempo, em resposta às transformações observadas nas situações de risco que se apresentam à sociedade. Neste artigo, os autores discorrem sobre a evolução do conceito de “resolução” para “gestão”, numa concepção mais abrangente de gerenciamento que envolve não apenas as forças policiais, mas diversos setores pertinentes, padronizando comando, procedimentos e terminologias de forma a garantir a interoperabilidade.

Atuação das Forças de Segurança Pública no contexto das Guerras de 4ª Geração

No atual contexto de atuação das forças de segurança pública, uma vitória tática, se não for obtida dentro de determinados parâmetros, pode significar uma derrota danosa para toda uma instituição. A informação é mais importante do que nunca, e os policiais que não entenderem as mudanças em curso contribuirão com as narrativas de correntes minoritárias que visam a desestabilização social e o fim da instituição policial.

Descomissionamento do navio-aeródromo São Paulo

Em fevereiro de 2017, o então Comandante da Marinha do Brasil, almirante-de-esquadra Leal Ferreira, enviou um memorando ao então Ministro da Defesa, Raul Jungmann, a respeito das razões que levaram ao descomissionamento do A12 São Paulo.

A aquisição do NAe São Paulo

O almirante-de-esquadra (Ref2) José Alberto Accioly Fragelli enviou à RMB (Revista Marítima Brasileira), a seguinte correspondência, que esclarece fatos relativos à aquisição do NAe São Paulo da Marinha da França (ex-Foch), em 2001.