Os gastos mundiais com Defesa continuam crescendo, apesar da pandemia

Imagem: Military Mortgage Center.

As grandes potências militares enxergam motivos suficientes para ampliarem seus gastos militares, mesmo em meio a uma conjuntura tão adversa advinda da pandemia mundial. Os motivos estão todos os dias nas manchetes dos jornais, com a competição geopolítica sendo travada à luz do dia. O Brasil, mesmo geograficamente distante das principais disputas globais, também não pode escapar dos efeitos dessa realidade.

Estados Unidos, China e a transição de poder no Século XXI

Imagem: Theasis/Getty Images.

A geopolítica contemporânea não está reeditando o sistema bipolar vivido durante a Guerra Fria, mas passando por uma crise de transição típica da disputa entre um poder hegemônico e outro ascendente, tal como ocorreu durante as décadas anteriores à Primeira Guerra Mundial. Resta saber como essa dinâmica será processada no século XXI.

As tensões entre as maiores potências militares do planeta

Imagem: Space News.

Uma série de acontecimentos envolvendo os EUA, a Rússia e a China demonstram que as relações entre as principais potências militares do planeta vivem um momento de tensionamento bem acima da normalidade.

A ascenção da China, a hegemonia norte-americana e a Armadilha de Tucídides

A impressionante velocidade do crescimento da China e sua expansão nos campos econômico, tecnológico e militar levam inevitavelmente a um choque com os interesses dos Estados Unidos, a potência – até então – hegemônica. Com o acirramento das tensões devido à forte competição, conseguirão estes países evitar a Armadilha de Tucídides?