Novos Submarinos e Mísseis Balísticos da Marinha Chinesa

Se em 1974 o Type 091, primeiro submarino nuclear chinês, foi motivo de chacota internacional devido a sua completa ineficiência em combate, hoje o desenvolvimento tecnológico do país surpreende o ocidente e a rápida expansão da Marinha do Exército de Libertação Popular da China preocupa os estrategistas dos EUA Continuar lendo Novos Submarinos e Mísseis Balísticos da Marinha Chinesa

As atividades (estratégicas) chinesas no Ártico

Os chineses vêm realizando expedições ao Ártico desde 1999 e teriam construído sua primeira base de pesquisa na ilha de Svalbard em 2004. Suas atividades árticas mais conhecidas são principalmente econômicas, especialmente uma cooperação energética com a Rússia, parte do esforço de Pequim para eliminar sua dependência de carvão para geração de energia e reforçar, de modo geral, a segurança de sua matriz energética. Continuar lendo As atividades (estratégicas) chinesas no Ártico

As relações cada vez mais tensas entre EUA e China

As recentes ordens de fechamento dos consulados chinês e americano em Houston e Chengdu, respectivamente, são apenas mais um degrau na escalada de tensões entre os dois países. A disputa entre ambos se intensifica, os interesses envolvidos são enormes e um eventual desequilíbrio mais sério não interessa a ninguém, mas a espiral conflituosa é ascendente e as chances de algo escapar ao controle são cada vez maiores. Continuar lendo As relações cada vez mais tensas entre EUA e China

O HMS Queen Elizabeth e as aspirações britânicas

A Grã-Bretanha anunciou que vai enviar seu novo porta-aviões, o HMS Queen Elizabeth, a um longo desdobramento no Pacífico em 2021, após o término da fase de testes. O navio participará de exercícios militares com aliados. Esta é uma decisão que pode revelar um pouco das pretensões britânicas pós-Brexit no campo geopolítico. Continuar lendo O HMS Queen Elizabeth e as aspirações britânicas