EUA bombardeiam instalações na Síria

Na primeira ação militar do governo de Joe Biden, aeronaves americanas atacaram alvos na Síria, atingindo infraestruturas que seriam utilizadas por milícias apoiadas pelo Irã. A operação é uma retaliação aos ataques com foguetes por milícias iraquianas contra pessoal americano em meados de fevereiro em Irbil, Iraque.

Guerra na Síria em plena pandemia

A pandemia do COVID-19 parece ter removido a guerra na Síria do noticiário. No entanto, o conflito permanece ativo e envolvendo, além dos sírios, a Rússia e a Turquia em lados opostos. A pandemia agrava a já terrível situação das populações afetadas pela guerra.