Representante russo na ONU diz que UE escolhe abordagens destrutivas ao lidar com Moscou

O diplomata russo Dmitry Polyanskiy, Primeiro Representante Permanente Adjunto da Rússia na ONU (Foto: UNIFEED/ONU).

Para citar o exemplo de tais abordagens, Dmitry Polyanskiy mencionou sanções unilaterais que contradizem o direito internacional.

A participação da China em Missões de Paz

Militares chineses em formatura pouco antes de sua implantação na missão da ONU em Juba, capital do Sudão do Sul. (Foto: PLA Daily/Weibo).

A participação da China nas missões de paz da ONU saiu de praticamente zero até uma posição de indiscutível liderança, em apenas três décadas. Isso ocorre por diversas razões, desde econômicas até políticas, geopolíticas e militares. Todas apontam para um maior protagonismo do gigante asiático no sistema internacional.

Paquistão alerta países asiáticos contra “rivalidade de grande poder” na região

Primeiro-ministro paquistanês, Imran Khan (Foto: Anadolu).

A Ásia não deve se tornar palco de tensões induzidas de fora ou de dentro, diz o primeiro-ministro Imran Khan, acrescentando que as diferenças e disputas na Ásia exigem soluções asiáticas com base em valores e interesses asiáticos.

Projeto de resolução do Conselho de Segurança da ONU exige o fim das hostilidades em Israel e Gaza

(Foto: Tsafrir Abayov/AP).

O projeto de resolução pode ser submetido a votação ainda nesta semana.

China diz que veto dos EUA paralisa Conselho de Segurança da ONU sobre Israel

Foto: Anadolu.

Pequim exorta Israel a cessar imediatamente as ações militares; diplomata chinês disse que Biden dizer que os EUA apoiam um cessar-fogo não é suficiente, e assegurou que seu país continuará pressionando o Conselho de Segurança a cumprir seu dever.

EUA bloqueiam pela 3ª vez declaração conjunta do Conselho de Segurança pedindo cessar-fogo

A Embaixadora dos Estados Unidos nas Nações Unidas, Linda Thomas-Greenfield, participa de uma reunião de Gabinete com o Presidente Joe Biden na Sala Leste da Casa Branca em 1º de abril de 2021, em Washington (Foto: Evan Vucci/AP).

Os Estados-membros têm até meio-dia desta segunda-feira para negociar; diplomatas dizem que Washington rejeita uma declaração que lamenta a perda de vidas, mas não menciona os foguetes do Hamas.

Lavrov: ONU teve grande sucesso na resolução de conflitos em todo o mundo

Contingente de Pacificadores do Nepal chega a Juba para a Missão da ONU no Sudão do Sul em 4 de fevereiro de 2014 (Foto: Isaac Billy/ONU).

Mesmo em meio às dificuldades causadas pela pandemia, os Capacetes Azuis continuam cumprindo seu dever, disse o principal diplomata da Rússia.

Talibã adverte EUA contra extensão de presença militar

Militantes do Talibã (Foto: Ishtiaq Mahsud/AP).

O alerta chega no momento em que a Alemanha estende sua presença militar até 2022.

Como os britânicos veem seu papel no mundo em 2030 – e como estão se preparando para exercê-lo

Foto: Royal Navy.

Em 16 de março o governo britânico publicou a que é tida como a maior revisão de defesa e segurança do Reino Unido desde o final da Guerra Fria. O documento, com mais de cem páginas, define a abordagem do país aos desafios esperados para a próxima década.

Lavrov: A retirada dos EUA do JCPOA indica incapacidade de implementar acordos

Ministro das Relações Exteriores da Rússia,Sergey Lavrov, (Foto: Ministério das Relações Exteriores da Rússia/Tass).

Lavrov fez a declaração durante visita à China. Ele disse que os EUA agiram em flagrante violação do direito internacional.