O afundamento do Bismarck

Representação artística do encouraçado alemão Bismarck (Imagem: Trumpeter).

Provavelmente o encouraçado alemão mais famoso da Guerra, o Bismarck afundou em 27 de maio de 1941, depois de, por sua vez, afundar o orgulho da Marinha Real, o HMS Hood. Para muitos, o fim do Hood e do Bismarck simbolizou o fim da era dos poderosos encouraçados, substituídos pelos submarinos e porta-aviões.

Perseguição no Mediterrâneo, Combates no Mar Negro – Parte I

No início da I Guerra, dois cruzadores alemães colocaram em xeque a supremacia britânica no Mediterrâneo, deixaram o Almirantado em polvorosa e puseram-se sob bandeira turca. Confira este excelente artigo de José Antonio Mariano.

A Batalha da Jutlândia

Talvez devido a Batalha do Somme, com mais de um milhão de mortos, ter ocorrido pouco tempo depois, a Batalha da Jutlândia acabou ficando um pouco esquecida pela História. No entanto, com mais de 6.000 marinheiros britânicos mortos – contra 2.500 alemães – foi o dia mais sangrento da história da Marinha Real.

A Batalha de Tsushima

Pouco mencionada, a Batalha de Tsushima, travada durante a guerra Russo-Japonesa no início do século XX, ensina algumas lições, além de ser notável em diversos aspectos.