Atech entrega Sistema de Planejamento e Treinamento de Missões do E-99M

Compartilhe:
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on linkedin
Teste de aceitação em campo do MPTS ocorreu com pleno sucesso no início deste mês na ALA 2, em Anápolis-GO (Divulgação).

Teste de aceitação em campo do MPTS ocorreu com pleno sucesso no início deste mês na ALA 2, em Anápolis-GO (Divulgação).

O Mission Planning and Training System (MPTS) desenvolvido pela Atech agrega modernização aos processos de planejamento, análise de missões e treinamento da  tripulação.


A Atech, empresa do grupo Embraer, concluiu a entrega do MPTS do projeto de modernização das aeronaves de Alerta Aéreo Antecipado da Força Aérea Brasileira, na ALA 2, na cidade de Anápolis-GO. O teste de aceitação em campo,  nas dependências do 2º/6º GAV – Esquadrão Guardião, ocorreu com pleno sucesso no início deste mês.

O projeto E-99M conduzido pela Força Aérea Brasileira (FAB), através da Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate (COPAC), traz consigo a flexibilização das operações da aeronave e a ampliação das capacidades de vigilância nas áreas de interesse do Comando da Aeronáutica.

Com a integração do MPTS aos sistemas de solo da FAB, o Esquadrão Guardião recebe novas capacidades, agilidade e precisão para atuar em diversos cenários de vigilância, com protagonismo durante as operações. O sistema  também permitirá treinamento em solo dos integrantes do esquadrão, principalmente nas novas capacidades da aeronave, reduzindo o tempo de treinamento em voo, que será convertido em missões operacionais.

Além disso, o sistema possui mobilidade, podendo ser transportado com extrema facilidade em caso de necessidade ou operações desdobradas, para o aproveitamento da capacidade plena das aeronaves. A Atech foi responsável por todo o desenvolvimento do MTPS, desde as fases de concepção, especificação de equipamentos e integração de sistemas, até a instalação na ALA 2, em Anápolis, e seguirá sua missão com o treinamento para capacitação operacional e de manutenção em campo e o suporte técnico necessário.


Equipes Atech, Embraer e FAB na conclusão dos testes de aceitação em campo na ALA 2, em Anápolis-GO (Divulgação).

Uma entrega desta relevância e importância na modernização das capacidades das nossas Forças Armadas, é motivo de orgulho para a Atech, que sempre norteia suas atividades buscando oferecer cada vez mais eficiência e tecnologia na integração de sistemas complexos para as missões críticas, contribuindo com a soberania, segurança e defesa do nosso país”, destaca Giacomo Feres Staniscia, Diretor de Negócios da Atech.

No projeto de modernização do E-99M, a Atech também atuou no desenvolvimento de vários módulos do sistema de Comando e Controle embarcado, que permite o domínio completo do ambiente de operação, aumentando a consciência situacional e apoiando na tomada de decisão.

Sobre a Atech: reconhecida como uma System House brasileira, a Atech sempre se pautou pela inovação com o objetivo de ajudar a transformar o país. Com uma expertise única em engenharia de sistemas e tecnologias de consciência situacional e apoio a tomada de decisão, a Atech trabalha no desenvolvimento de soluções inovadoras com aplicações nas áreas de tráfego aéreo, sistemas de comando e controle, segurança cibernética, sistemas de instrumentação e controle, sistemas embarcados, simuladores e logística. A empresa é responsável pelo desenvolvimento e modernização de todo o sistema para o gerenciamento do espaço aéreo brasileiro. Pela sua atuação, a companhia é reconhecida e foi certificada como Empresa Estratégica de Defesa pelo Ministério da Defesa do Brasil.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

V-UnitCanal do Velho GeneralAmazonPublicidade
Fórum Brasileiro de Ciências PoliciaisPrograma Café com Defesa

Veja também