O A-4B Skyhawk que caiu no Salar Tolillar

Publicado originalmente no blog argentino Malvinas – La Guerra Aérea (Traduzido por Albert Caballé Marimón)


O caça-bombardeiro Skyhawk A-4B C-209 da Força Aérea Argentina que terminou seus dias num deserto no norte da Argentina.


O A4 B C-209 no Salar Tolillar

Em 23 de Junho de 1994, o A-4B matrícula C-209, voando em formação num treinamento com sua unidade, sofreu uma pane de motor entre as montanhas. O piloto imediatamente tentou reativa-lo, mas ao perceber que não conseguiria, decidiu ejetar. Ele contou que nesse momento começou a parte mais difícil. Ele se preparou para ejetar puxando uma das alças de ejeção, mas nada aconteceu; em seguida, puxou a outra alça e tampouco aconteceu nada. Olhou em volta e percebeu que estava saindo da área montanhosa, enquanto o avião, com o motor apagado, se dirigia inexoravelmente para o solo, por falta da propulsão do motor que gera empuxo e por consequência o constante fluxo de ar sob as asas que sustenta o avião.

1-Salar Tolillar

Salar Tolillar (Salta, Argentina)

Naquele momento, muita coisa passou por sua cabeça. Ele não tinha nada mais a fazer, e o A-4B planava velozmente numa picada mortal em direção ao solo. Nesse instante, ele repentinamente percebeu que a área onde estava caindo era um terreno muito plano (o salar). Instintivamente puxou o manche e conseguiu pousar o avião suavemente sobre os tanques suplementares.

O piloto era o atual brigadeiro Oscar Charadía, diretor da Escola de Aviação Militar (até o momento da postagem original em 10 de novembro de 2014). Depois daquele susto, Charadía considera que nasceu novamente naquele dia.

O A4 B C-209 nas Malvinas

Este mesmo A-4B Skyhawk registro C-209 (Nº de Série 142.684) esteve nas Malvinas no Esquadrão III do Grupo 5 de Caça com base em Río Gallegos. Teve incursões abortadas duas ocasiões: a primeira pelo 1º Tenente Hector Sanchez por falha de motor em 1º de maio de 1982, e a segunda com o Tenente Hugo Gómez, que voltou ao continente em 25 de maio 1982, após perder de vista a esquadrilha guia, juntamente com Tenente Autiero também com falha de motor.

A esquadrilha guia prosseguiu na missão com o Capitão Palaver e o Tenente Gálvez. O Capitão Palaver recebeu fogo de sua própria artilharia antiaérea em Darwin, mas ainda assim atacou um navio. Em seguida, foi foi atingido por um míssil Sea Dart lançado pelo destróier HMS Coventry, que se encontrava ao norte da Ilha Borbón, morrendo heroicamente. O Tenente Gálvez sobreviveu à missão e chegou ao Rio Gallegos às 11h00.


2-RestosFuselagem

Restos da fuselagem, estabilizadores vertical e horizontal e asa direita do A-4B C-209

3-C209

C-209 com o estabilizador horizontal quase intacto, os restos da turbina na fuselagem e o bordo de ataque da asa direita

4-Frontal

Vista frontal do C-209 onde se pode observar parte da turbina Wright J65 Armstrong Siddeley Sapphire

5-Matricula

À esquerda, parte do bordo de ataque da asa direita e fuselagem; à direita, a matrícula do C-209

6-Charadia

À esquerda, o Brigadeiro Charadía na época do post original (2014) e, à direita, próximo da época do acidente, posando no A-4B C-232


RECOMENDADOS DO VELHO GENERAL

Captura de Tela 2019-03-21 às 11.22.58

A-4 Skyhawk Illustrated (The Illustrated Series of Military Aircraft Book 14)

  • Por Lou Drendel (Autor, Ilustrador)
  • Em Inglês
  • eBook Kindle
Captura de Tela 2019-03-21 às 11.23.05

A-4 Skyhawk Pilot’s Flight Operating Instructions

  • Por United States Air Force (Autor)
  • Em Inglês
  • Capa Comum
Captura de Tela 2019-03-21 às 11.23.22

Fuerza Aérea Argentina luchando en el barro: Goose Green 1982

  • Por Rómulo Antonio Sasone (Autor)
  • Em Espanhol
  • eBook Kindle
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: