Grã-Bretanha poderia desacelerar suas compras de F-35

F-35B Lightning II conduzindo testes a bordo do porta-aviões britânico HMS Queen Elizabeth, em 13 de outubro de 2018 (Foto: Royal Navy).

A Grã-Bretanha havia dito que compraria 138 jatos, mas recentemente se tornou vaga sobre quando e quantos caças acabará comprando.

Grupo de batalha do Reino Unido suspende em sua primeira implantação

A Rainha Elizabeth II visitou o porta-aviões da Marinha Real HMS Queen Elizabeth em Portsmouth em 22 de maio de 2021, horas antes do grupo de batalha suspender em seu primeiro desdobramento operacional. Durante a visita de 45 minutos, a rainha falou para uma plateia de marinheiros, aviadores e fuzileiros navais britânicos e americanos (Foto: Ministério de Defesa do Reino Unido).

O grupo de batalha britânico é tripulado por 3.700 militares das forças armadas do Reino Unido, EUA e Holanda, percorrerá 26.000 milhas náuticas nesta primeira implantação, e irá realizar mais de 70 engajamentos, exercícios e operações.