Radar Semanal 21/01/22

USS Carl Vinson operando no Mar da China Meridional, abril de 2017 (Matt Brown/Reuters).

**Exclusivo Assinantes** A OTAN é grande e provocativa demais; Os EUA tem mais rivais do que conseguem lidar; A política externa americana joga seus adversários nas mãos uns dos outros; As ambições superdimensionadas das Big Techs.

Radar Semanal 14/01/22

Soldado ucraniano caminha sob rede de camuflagem em uma trincheira na linha de separação de rebeldes pró-Rússia na região de Donetsk, na Ucrânia, em 3 de dezembro (Andriy Dubchak/AP).

*Exclusivo Assinantes* O radar desta semana traz análises sobre a situação da Ucrânia, além de uma avaliação dos britânicos sobre seus métodos de análise de cenários políticos.

Radar Semanal 07/01/22

Policiais se reúnem em uma praça durante um protesto (Pavel Mikheyev/Reuters).

**Exclusivo Assinantes** Hoje o Radar se concentra no Cazaquistão. Moscou mantém o foco na Ucrânia e na OTAN, mas distúrbios no outro vizinho exigem ao menos alguma atenção; Se Putin puder tornar o regime cazaque mais pró-russo, Almaty poderá ser um aliado mais confiável para Moscou.

Radar Semanal 30/12/21

OODA Loop.

**Exclusivo Assinantes** Tóquio se esforça para acompanhar o ritmo da China na Defesa; O teste do hipersônico Shaurya aumenta ambiguidade da postura nuclear da Índia; IA é vista como tecnologia estratégica crítica; EUA e Japão apresentam plano conjunto sobre potencial ataque chinês a Taiwan.

Radar Semanal 23/12/21

Comboio de tropas russas em deslocamento na direção de Tskhinvali, na Geórgia, em 16 de agosto de 2008 (AFP).

**Exclusivo Assinantes** Um perfil do chanceler alemão Olaf Scholz, bem conhecido do público alemão; Os objetivos franceses no Indo-Pacífico; O pragmatismo das negociações da Índia com a Rússia; Análise: Um compromisso de não expandir a OTAN até as fronteiras da Rússia seria realisticamente possível?

Radar Semanal 17/12/21

O secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin (dir.), recebe o ministro da Defesa da Lituânia, Arvydas Anusauskas (esq.), no Pentágono, em 13 de dezembro de 2021 em Arlington, Virgínia (Alex Wong/Getty Images).

**Exclusivo Assinantes** Evitar a devastação da Ucrânia e o risco de guerra com a Rússia requer abordar a expansão da OTAN; Militarização deixou de mobilizar os russos; Chefe da Defesa lituano diz que EUA devem agir para punir a Rússia, sem esperar uma invasão à Ucrânia; Evitar PsyOps começa entendendo táticas comuns: distorcer, distrair, rejeitar, negar e desanimar.

Radar Semanal 10/12/21

Militares das Forças Armadas da Índia desfilam na parada do Dia da Vitória na Praça Vermelha, em Moscou, marcando o 75º aniversário da vitória na Segunda Guerra Mundial (Ramil Sitdikov/Host Photo Agency/Getty Images).

**Exclusivo Assinantes** Preparativos da Rússia sinalizam que Moscou reconhece o perigo de uma área fortificada em sua fronteira; Relações russo-indianas são tradicionalmente boas, mas os laços econômicos estão estagnados e suspeitas mútuas vêm se insinuando; A visão da ministra das Forças Armadas da França sobre os desafios tecnológicos que seu país vem superando; Interesses conflitantes dificultam que Israel e Irã encontrem uma solução diplomática para seu impasse.

Radar Semanal 03/12/2021

Os presidentes dos EUA, Joe Biden, e da Rússia, Vladimir Putin, em Genebra (Alexander Zemlianichenko/AFP).

**Exclusivo Assinantes** Vladimir Putin sempre teve bom olho para oportunidades, e sente cheiro de sangue no Ocidente; Presa entre Rússia e EUA, a Índia procura evitar sanções; Londres deve colher os maiores benefícios do AUKUS; EUA, Rússia e China quebraram os paradigmas que construíram no fim da Guerra Fria; Uma declaração de fim da guerra entre as Coreias terá impacto bastante limitado.

Na Mostra BID Brasil, IACIT apresentará tecnologias únicas no país

Divulgação.

Empresa com mais de 35 anos de história é referência em soluções de ponta que podem contribuir para a Defesa e Segurança Pública.

Radar Semanal 26/11/21

O Hakugei, segundo submarino da classe Taigei da Força de Autodefesa Marítima do Japão, foi lançado na cidade de Kobe em 14 de outubro de 2021 (Kosuke Takahashi/The Diplomat).

**Exclusivo Assinantes** Situação da Ucrânia é a mais importante fonte de instabilidade entre a Rússia e os EUA; Genocídio é o crime mais alto na categoria de crimes internacionais, mas será isso o que ocorre em Xinjiang? “Clareza estratégica” versus “ambiguidade estratégica” em relação a Taiwan; Gabinete japonês aprovou orçamento extra recorde para a Defesa.