Grupo de batalha do Reino Unido suspende em sua primeira implantação

A Rainha Elizabeth II visitou o porta-aviões da Marinha Real HMS Queen Elizabeth em Portsmouth em 22 de maio de 2021, horas antes do grupo de batalha suspender em seu primeiro desdobramento operacional. Durante a visita de 45 minutos, a rainha falou para uma plateia de marinheiros, aviadores e fuzileiros navais britânicos e americanos (Foto: Ministério de Defesa do Reino Unido).

O grupo de batalha britânico é tripulado por 3.700 militares das forças armadas do Reino Unido, EUA e Holanda, percorrerá 26.000 milhas náuticas nesta primeira implantação, e irá realizar mais de 70 engajamentos, exercícios e operações.

Aeronave AWACS turca E-7T voa sobre espaço aéreo aliado da OTAN pela 1ª vez

Foto: Anadolu.

Missão foi realizada como parte das Medidas de Garantia da OTAN; foram compartilhadas imagens via Link-16 e realizadas atividades de suporte eletrônico.

Prazer em conhecer, Departamento PM Vítima

Recorte da capa do livro.

O livro aborda aspectos reais, de pessoas reais, que atuam com o máximo de dedicação para dar a resposta necessária quando um policial é assassinado.

Pilotos de caça realizam o primeiro voo de instrução na aeronave JAS-39D Gripen

Foto: 1º GDA.

Os voos básicos visam ambientar os tripulantes às características do novo vetor de caça da Força Aérea Brasileira.

Após atraso inicial, nanossatélite brasileiro é lançado com sucesso

NanoSatC-Br2 será o último de 38 satélites a ser liberado em órbita.

A liderança no C2-50

Líderes e subordinados devem atuar para cumprir a intenção do comandante. Mesmo que estejam isolados, todos devem ser capazes de atuar com iniciativa e por conta própria objetivando o cumprimento da missão. A iniciativa deve ser estimulada, dando aos subordinados liberdade de ação para decidir a melhor forma de cumpri-la.

A Operação Coldfeet

EXCLUSIVO PARA ASSINANTES: Durante a Guerra Fria, os Estados Unidos e a União Soviética competiam por qualquer vantagem, incluindo pesquisas no Ártico, dado o valor estratégico da região. Durante sete dias, em maio de 1962, a comunidade de inteligência dos EUA conseguiu uma rara oportunidade de coletar informações em primeira mão de uma estação de pesquisa soviética abandonada no alto do Ártico, no que ficou conhecido como Operação Coldfeet.