A US Navy está pronta para reparar navios danificados em combate em tempo de guerra?

Marinheiros se preparam para simulação de emergência de combate a bordo do destroier USS Mason durante exercício de controle de danos em 2014 (Foto: US Navy).

Relatório do GAO (Government Accountability Office) afirma que, após a Guerra Fria, a US Navy alienou muitas de suas capacidades de reparo de navios em combate.

A tragédia anunciada de Taiwan

Deixando de lado questões políticas e atendo-se apenas a uma avaliação militar, a retomada de Taiwan pela China Continental é meramente uma questão de tempo. Este artigo mostra, de forma qualitativa, quantitativa e através de análises comparativas com outros países, que, ao longo dos anos, Taiwan vem negligenciando sua defesa, confiando de forma excessiva nas garantias de segurança dos EUA.