A Privatização dos Top Gun

Nos últimos anos os EUA têm assistido a um vertiginoso crescimento das empresas privadas especializadas em fornecer treinamento adversário, mais conhecido como aggressor, para as forças aéreas dos EUA. Além de mais baratos, fornecem maior gama de opções de aeronaves com diferentes desempenhos ao mesmo tempo em que contam com experientes pilotos militares aposentados.

O Retorno do 65º Esquadrão Agressor

A USAF reativa o 65º Esquadrão Agressor em Nellis com os F-35

Os “inimigos” terceirizados das forças armadas americanas

NELLIS AIR FORCE BASE, Nev. (AFPN) -- An F-16 Fighting Falcon heads out to the Nellis ranges Jan. 31 during Red Flag 06-1 being held here Jan. 21 through Feb. 18. Red Flag tests aircrews’ war-fighting skills in realistic combat situations. Flights involve more than 85 aircraft, including B-2 Spirit bombers. The aircraft will fly missions day and night at the nearby Nevada Test and Training Range where they will simulate an air war. Along with the Air Force, units are participating from the Army, Navy, Marine Corps, United Kingdom and Australia. The F-16 is with the 64th Aggressor Squadron. (U.S. Air Force photo by Master Sgt. Kevin J. Gruenwald)

Uma visão geral dos “inimigos” terceirizados das forças armadas americanas.