Categoria: História

As três lições do Almirante Mitscher

Conhecido pela ordem “turn on the lights”, o almirante Marc Mitscher é uma lenda nos círculos militares americanos, tido como um dos melhores comandantes de combate da Segunda Guerra Mundial.

Ações Aéreas Argentinas na Guerra das Malvinas

Os argentinos mantiveram seus principais meios aéreos nas bases do continente, e de lá, apesar da distância considerável do teatro de operações e com restrições em sua capacidade de reabastecimento em voo, eles operaram diversas missões contra a frota britânica. Neste artigo, o Prof. Rudnei traça um panorama geral das principais ações aéreas da FAA e da Armada durante a guerra.

As Falklands/Malvinas no YouTube

Confira uma série de filmes e vídeos sobre a Guerra das Falklands/Malvinas disponíveis gratuitamente no YouTube. A playlist do Canal Arte da Guerra sobre o tema faz parte da lista e, além disso, incluímos quatro longas argentinos, quatro britânicos e diversos documentários. Com diferentes visões, formam um panorama muito interessante do conflito.

“Por la Pátria!”*: o Esquadrão Fênix

O Esquadrão Fênix (Escuadrón Fénix) foi uma unidade especial da Força Aérea Argentina (FAA, Fuerza Aérea Argentina) formada durante a Guerra das Malvinas em 1982. Foi constituída por militares e civis e aeronaves requisitadas a empresas privadas e agências estatais, e serviu em várias tarefas durante o conflito. Cumpriu um trabalho importante e foi dissolvido após a guerra.

REVO na Guerra das Malvinas

A capacidade de Reabastecimento em Voo (REVO) é um fator fundamental na guerra aérea moderna. Na Guerra das Malvinas/Falklands, este foi o fundamento que possibilitou, de uma lado, as operações britânicas Black Buck contra o aeródromo de Stanley, e, de outro, o ataque argentino ao destroier HMS Sheffield.

O Sea Harrier na Guerra das Falklands

O Harrier foi o primeiro avião de combate V/STOL (Vertical/Short Take- off and Landing) a ser produzido em série e a entrar operacionalmente em combate. De sua adaptação para uso naval pela Fleet Air Arm da Royal Navy, emergiu o Sea Harrier, cuja atuação foi essencial para a vitória britânica na Guerra das Falklands/Malvinas em 1982.