Mensagem de Dowding aos Pilotos da RAF

B-Top-720x75px-ESQ-CBT-0720px

Albert-VF1 Por Albert Caballé Marimón

Baixar-PDF

Hugh_Dowding.jpgSGA-2019-Selo-100pxO Chefe Marechal do Ar Hugh Dowding, Chefe do Comando de Caças da RAF na Batalha da Grã-Bretanha, foi o grande responsável pela difícil e fundamental vitória britânica.

Ainda antes da guerra foi um ferrenho defensor do desenvolvimento do radar e dos caças Spitfire e Hurricane, que mais tarde se provaram vitais. Com superiores habilidades organizacionais e visão estratégica, ele deixou a RAF na melhor posição possível para o combate.

Reservado e sem carisma, apelidado de “Stuffy” (algo como “Chato”), não era muito popular entre o Alto Comando. No entanto, tinha uma preocupação genuína com os pilotos, identificando a necessidade de manter um rodízio de esquadrões para mantê-los descansados tanto quanto possível.

Era bem quisto pelos pilotos e, ao deixar o Comando de Caça, sua dedicação a eles ficou evidente em sua última mensagem.


“24 de novembro de 1940

Meus queridos Pilotos de Caça,

Ao enviar-lhes minha última mensagem, eu gostaria de poder dizer tudo o que está em meu coração. Não espero superar a eloquência simples das palavras do Primeiro Ministro (Churchill), “Nunca antes tantos deveram tanto a tão poucos”. A dívida permanece e aumentará.

Ao dizer adeus a Vocês, eu quero que saibam que estiveram continuamente em meus pensamentos e que, embora nossa conexão direta possa ser interrompida, talvez eu ainda possa ajudá-los em sua galante luta.

Adeus e que Deus abençoe a todos vocês.

Chefe Marechal do Ar Hugh Dowding”


RECOMENDADOS PELO VELHO GENERAL

Captura de Tela 2019-07-15 às 20.13.10.png RECOMENDADO: Air Officer Commanding: Hugh Dowding, Architect of the Battle of Britain

  • por John T. LaSaine (Autor)
  • Em inglês
  • Versões eBook Kindle e Capa Dura

4 comentários sobre “Mensagem de Dowding aos Pilotos da RAF

  1. Verdadeiro líder, na acepção da palavra. De caráter introspectivo, diferente dos líderes mais carismáticos, soube extrair o melhor de seus comandados, ao dar-lhes condições de fazer o melhor sempre que possível.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Eu diria que seu espírito reservado está bem refletido nesta carta. Foi uma despedida quase que protocolar. Para aqueles que serviram com ele, isso talvez não fizesse a menor a diferença.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe uma resposta para Marco Aurélio Magalhães Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s